Os 100 Melhores Filmes Não-Americanos de Todos os Tempos


E lá vem mais uma listinha. E dessa vez é de novo da Empire, que recentemente elegeu os 50 maiores personagens dos games.

Agora ela resolveu falar de cinema, e listou os seus 100 melhores filmes de língua não-inglesa (o que torna o título do post semi-errado, mas foda-se). Vamos ver o que deu nos 10 primeiros lugares:

10. A Viagem de Chihiro (Japão, 2001)
9. O Salário do Medo (França, 1953)
8. O Sétimo Selo (Suécia, 1957)
7. Cidade de Deus (Brasil, 2002)
6. A Batalha de Argel (França, 1966)
5. O Labirinto do Fauno (Espanha, 2006)
4. Ladrões de Bicicleta (Itália, 1948)
3. Encouraçado Potemkin (Rússia, 1925)
2. O Fabuloso Destino de Amélie Poulain (França, 2000)
1. Os Sete Samurais (Japão, 1954)

Admito que não conheço todos, mas é indiscutível Kurosawa[bb] no primeiro lugar e Bergman[bb], Fellini[bb] e Eisenstein[bb] no alto.

E é sempre bom ver o reconhecimento internacional da obra-prima que é Cidade de Deus[bb]. Não só por ser um filme brasileiro, mas pode ser excelente, dá sempre um orgulho.

Também gostei da lembrança de O Labirinto do Fauno[bb], o filmaço que me faz me sentir deprimido pelo Del Toro ter abandonado a direção de O Hobbit. Mas agora, mesmo adorando Amélie[bb], achei um tremendo exagero o 2º lugar do filme. Mas vá lá, isso é a Empire tentando ser pop pra agradar o público.

Para ver os outros 90 filmes da lista, é só clicar aqui e começar o passeio. Vale a pena, porque tem muita coisa boa, e pode ser uma ótima forma de você conhecer filmes que nem sabia que existia.

Alexandre Esposito

Publicitário, blogueiro, produtor de festa e, pro azar de vocês, piadista.

Outros posts de
  • Pingback: Tweets that mention Os 100 Melhores Filmes Não-Americanos de Todos os Tempos | Vida Ordinária -- Topsy.com

  • Vinícius

    Hmmm, legal o post, já tinha visto sobre essa lista, embora não concorde muito Os Sete Samurais é um filme incrivel mesmo. Só uma coisa, não tem nenhum do Fellini nesses 10. ;x

  • http://vidaordinaria.com Alexandre Esposito

    Sim, foi um ato falho, onde esqueci que Ladrões de Bicicleta é do Vittorio di Sica. Vou corrigir lá.

  • Vinícius

    Por sinal, bem estranho não ter Fellini no top 10. Primeira vez que vejo uma lista desse tipo sem ele em um dos primeiros lugares acho. 8 1/2 ou La Dolce Vita são quase obrigatórios pros caras.

Menu