Organizar por:
Ver:

Video-Banda


E a banda marcial da Universidade de Ohio, que outro dia vimos fazendo uma versão dfe Gangnam Style, agora faz um sensacional combo nerd e toca por quase 10 minutos alguns dos temas mais clássicos da história dos games.

E se as músicas não bastassem, eles ainda fazem formações representando cada um. As de Tetris e Zelda estão especialmente fodas:

Psy x Inri Cristo e Ghostbusters


O fenômeno Gangnam Style ganha tantos covers, paródias e montagens ao mesmo tempo que se a gente fizesse um post pra cada, só ia ter isso até o fim do ano.

Mas tem dois vídeos que merecem aparecer aqui, e ambos vieram do Brasil.

O primeiro é a tão aguardada (e como sempre, tão bizarra) versão mística das Inrizetes para Gangnam Style. Já consigo até imaginar o Inri trocando seu “Oh, Pai” para “Oh, Psy”:

E o segundo é um mashup de Gangnam Style com a música dos Caça-Fantasmas, feita pelo DJ capixaba Faroff:

Baú dos Covers (6/10)


O Baú dos Covers dessa semana começa com a parceria de Thiago Iorc e Clarice Falcão, a Zooey Deschanel brasileira, para um cover acústico de Na Rua, Na Chuva, Na Fazenda, clássico do Hyldon que nos anos 90 voltou a fazer sucesso com o Kid Abelha:

Na onda de projetos covers organizados por blogs, o Brasil tem agora um dos mais criativos e legais. É uma coletânea de covers indie de sucessos do Raça Negra, grupo de pagode mais popular dos anos 90. A primeira versão já saiu e é bem legal, da Vivan Benford cantando Cheia de Manias (sim, aquele do Didididiê):

Saindo do Brasil, semana passada a Alanis Morissette foi a um programa de TV e apresentou uma versão lenta e bem pessoal de Basket Case, maior hit da carreira do Green Day:

Agora o cover mais legal do post de hoje. Foi feito para o Undercover, projeto de versões do AV Club com a Starbucks. A banda The Promise Ring transformou em rock uma das melhores músicas da Adele, a rancorosa Rumour Has It:

Esse ano, Iggy Pop resolveu fazer um disco de covers, a maioria em francês, e uma das versões é de La Vie En Rose, clássico imortalizado por Edith Piaf:

E pra encerrar esse Baú dos Covers, como de costume, uma versão amadora. É Daniel Pohl fazendo uma versão acústica do funk Que Isso Novinha, do Mc Saed. A letra é bem obscena, então nem clique se você tiver muita frescurinha:

Até o próximo Baú dos Covers.

Menu